PIF – Peritonite Infecciosa Felina

Publicado em 02 de maio de 2016 por Mundo Animal


Tagged , , ,

Uma doença contagiosa, comum em gatos entre 3 meses a 2 anos de idade, mas também pode afetar gatos idosos, ou com a imunidade muito baixa. Embora seja uma doença que não tem cura, nem todos os animais contaminados desenvolvem a doença.

Existem dois tipos de PIF, podendo ser parcial ou fraca

Sintomas da PIF parcial (PIF seca)

Esse tipo de PIF, o desenvolvimento é lento, e seus principais sintomas são:

– Febre;
– Perda de peso;
– Icterícia (pele amarelada);
– Anorexia (não ingere nenhum alimento);
– Alteração na coloração dos olhos, geralmente na íris;
– Apatia.

Sintomas da PIF fraca (PIF efusiva)

Contrario a PIF seca que a evolução é lenta, a PIF efusiva ocorre entre 2 a 6 semanas após os principais sintomas, que são eles:

– Febre;
– Perda de peso;
– Icterícia (pele amarelada);
– Anorexia (não ingere nenhum alimento);
– Aumento da região abdominal;
– Apatia.

Como prevenir a PIF – Peritonite Infecciosa Felina

Se possuir mais que um gato no mesmo ambiente, mantenha separado comedouro, bebedouro e principalmente a caixa de areia, pois o animal saudável terá que ter contato com as fezes do gato infectado para se contaminar; A contaminação também pode ser feita de mãe para filhotes  durante a gestação e amamentação. Ou seja, a melhor prevenção é manter o gato longe de outros gatos que possivelmente esteja infectado.

Como tratar PIF – Peritonite Infecciosa Felina

O tratamento é paliativo, já que ainda não há cura para a doença. Antibióticos, anti-inflamatórios e quimioterapias diminui a progressão da doença e podem propiciar uma melhor qualidade de vida ao animal. Medicações antivirais e imuno-moduladoras são usadas para minimizar os efeitos adversos da PIF. Punções para a retirada do acúmulo de líquido no tórax e ou abdômen também ajudam a melhorar a vida do animal doente.


Posts Relacionados: