Vira-Latas (SRD)

Publicado em 13 de janeiro de 2016 por Mundo Animal


Tagged , , , , ,
Texto: Redação | Foto: Divulgação

A primeira coisa que se procura saber ao pensar em ter um cachorro é: Qual a raça adequada para minhas condições? E porque não um vira-lata?

O que muita gente ignora é que os cachorros vira-latas também são muito inteligentes, amorosos, brincalhões e se adaptam facilmente em diversos ambientes.

Como definir um cachorro como vira-lata

São classificados como cães vira-latas, ou SRD formalmente dizendo, qualquer espécie de mistura de raças que não tenha como defini-lo como raça pura, ou seja, mesmo sendo um cruzamento de duas raças puras, o mesmo será considerado um vira-lata.

Comportamento

Como se trata de cães cujas raças são misturadas, não tem como definir sua característica física, nem sua personalidade, bem como seu tamanho, cor, peso e etc…

Alguns pontos importantes sobre os vira-latas

Na questão da inteligência, o vira-lata não é mais, nem menos inteligente que os cães de raça pura, todos os cães tem a mesma capacidade de aprender, porém algumas raças já tem predisposição a aprender com mais facilidade, como o vira-lata é uma mistura de raças, ele pode ou não ter essa facilidade.

Quanto a sua saúde, assim como todos os cães, os vira-latas também precisam e devem ser vacinados. Muitos dizem que os vira-latas são mais resistentes, não é de tudo mentira, por eles serem misturados muitas vezes se tornam mais resistentes, e os cães de rua, devido a exposição a todo tipo de situações, tendem a serem mais resistentes ainda.

Importante que se adotar um vira-lata, leve-o regularmente ao veterinário para garantir que tenha uma vida saudável e com qualidade.

Como adotar um vira-lata

Hoje em dia, muitas pessoas estão adotando animais abandonados, infelizmente o número de adoções ainda é bastante pequeno, pois muitos ainda preferem cães de raça, e nos abrigos a maior parte são vira-latas encontrados na rua.

Se optar por adotar um vira-lata, tenha certeza de que está fazendo uma excelente opção, pois são cães muito amáveis e fieis, por passarem tanto tempo na rua, os vira-latas costumam ter um vinculo muito forte com seu tutor. Se adotar um cão de rua, esteja certo de que ele não está “acostumado” a qualquer situação, portanto ele deve receber carinho, atenção e tudo mais que todos os animais devem ter.

Se preferir adotar um cão diretamente da rua, você deverá antes de mais nada, levá-lo ao veterinário para fazer os devidos exames, ser vacinado e vermifugado.

Se preferir, poderá dirigir-se as ONGs, existem diversas precisando de ajuda. Até mesmo se não puder levá-lo para casa, você poderá apadrinhar um cão das ONGs e ajudar na manutenção do animal.


Posts Relacionados: